(43) 9602-1764     contato@enfoquearapongas.com.br

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

BR Templates
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

noticias

Informações adicionais

  • Espiritual:
    espiritual

    COLUNISTA

    Espiritual
    Conteúdo Espiritual

Jesus, a fonte inesgotável Destaque

Publicado em Coluna de Fé
Jesus, a fonte inesgotável Reprodução/Web

O Armazém da graça de Deus

Uma reflexão em Isaias 55.1-6

Deus é dono de todas as coisas. Diz a bíblia que ele é dono de todo ouro e toda a prata. Tudo que existe, existe porque Ele criou, e sem Ele nada existiria. O que vemos anunciado pelo profeta Isaias é algo maravilhoso demais para termos uma total compreensão. Deus está anunciando gratuitamente a todos os povos os melhores produtos que alguém possa querer ter. (1 Ah! Todos vós, os que tendes sede, vinde às águas; e vós, os que não tendes dinheiro, vinde, comprai e comei; sim, vinde e comprai, sem dinheiro e sem preço, vinho e leite.). A primeira coisa que podemos perceber é que o anúncio não é apenas para alguns, e sim para todos. Mas todos quem? A todos que tem sede! Nós somos seres espirituais e como tal temos necessidades espirituais que só podem ser supridas pelo nosso criador. Todos os seres humanos buscam alguma coisa, existe uma necessidade, um desejo insaciável de ter, de ser, de se chegar a algum lugar especial. A grande verdade é que por mais que uma pessoa queira, sua sede nunca será suprida por nada que venha a conseguir nesta terra. Nenhum resultado do esforço humano é capaz de satisfazer a necessidade espiritual que existe em cada pessoa. Vinde às águas! Ele convida. Em dias de grande sequidão espiritual, é necessária água boa e pura, para que possamos matar nossa sede. O próprio Senhor Jesus disse: ([...] Se alguém tem sede, venha a mim e beba. Jo 7.37) A graça do Senhor Jesus é fonte de água viva, e quem Dele bebe nunca mais tornará a ter sede. A mulher samaritana viveu essa experiência, só achou descanso para sua alma sedenta quando encontrou-se com Jesus, e d’Ele recebeu água da vida. ([...] e vós, os que não tendes dinheiro, vinde, comprai e comei; sim, vinde e comprai, sem dinheiro e sem preço, vinho e leite.) Parece estranho o jeito que Deus está falando aqui. Mas por mais estranho que pareça, Deus está como um comerciante oferecendo seus produtos. Mas Ele não quer vende-los, ele não precisa de dinheiro. Ele sabe que seus clientes nunca teriam como ajuntar dinheiro suficiente para pagar. Primeiro Deus nos chama para matar nossa sede com sua água. Podemos dizer que essa sede é um desejo que está dentro de nós pelo arrependimento. Assim que nos arrependemos, somos saciados pela água que sua graça nos dá a beber, logo em seguida, o Pai nos convida a beber de uma outra bebida. Ele nos convida a beber vinho. O vinho é uma figura, um símbolo da alegria. Se antes andávamos ressecados pelo pecado, certamente é porque não havia em nós a verdadeira alegria. Por mais que alguém possa buscar nas coisas deste mundo, nunca encontrará a alegria verdadeira. Somente o Espírito Santo, pode conceder paz que excede todo entendimento, e mesmo em dificuldades a alegria do Senhor continua sendo a nossa força.

Mas o Pai também nos convida a beber leite. Já fomos hidratados pela água da vida, tornados alegres pela presença gloriosa do Espírito Santo, e agora o Pai está dizendo que precisamos ser nutridos pelo alimento do céu. Só a Palavra de Deus, pode saciar nossa fome e fortalecer nosso novo homem para que dia após dia fique cada vez mais forte. Deus põe uma mesa farta diante de cada um de nós e nos convida a participar de seu banquete. Ele não obriga, apenas convida dizendo “vinde”.

De repente, parece que o profeta faz uma digressão e exorta: (2 Por que gastais o dinheiro naquilo que não é pão, e o vosso suor, naquilo que não satisfaz? Ouvi-me atentamente, comei o que é bom e vos deleitareis com finos manjares.) Vemos um interessante contraste entre o primeiro versículo e o segundo. Primeiro Ele oferece de graça tudo que realmente precisamos e pelas quais nunca poderíamos pagar. No segundo versículo, Ele chama a atenção dizendo que ainda há muitos que buscam com seus próprios recursos coisas que nunca poderão trazer a verdadeira satisfação. Por isso vemos tanta gente roubando, traficando, enganando e, até mesmo, muitos trabalhando honestamente. Mas todos eles, tem em seus corações apenas conseguir achar satisfação. E por mais que tentem, por mais que acumulem bens dessa terra, nunca estão satisfeitos. Suas almas continuam secas, sem alegria e desnutridas. Tudo que o Pai está pedindo, é para que o ouçam! (Ouvi-me atentamente, comei o que é bom e vos deleitareis com finos manjares.) Deus preparou a mesa, pôs nela o melhor alimento, chamou a todos para virem e se servirem de graça. Mas muitos ainda não ouviram sua voz chamando. Muitos continuam correndo de um lado para outro, agitados como árvores em dias de vendaval. Seus ouvidos estão tampados pelo barulho de suas mentes que nunca param, nunca descansam, nunca desligam. Deus está falando: Aquietai-vos e sabei: Eu sou Deus! O profeta Isaias usa uma palavra interessante, ele fala em deleitar-se. No hebraico é [Ìanag ] e significa: ter prazer, estar feliz, satisfeito. Nosso grande mal é que queremos tanta coisa, buscamos em tantos lugares algo que nos traga o tão almejado deleite, que não percebemos que Deus já serviu para nós suas delícias. E por não parar e ouvir sua voz, continuamos buscando. (3 Inclinai os ouvidos e vinde a mim; ouvi, e a vossa alma viverá; porque convosco farei uma aliança perpétua, que consiste nas fiéis misericórdias prometidas a Davi. 4 Eis que eu o dei por testemunho aos povos, como príncipe e governador dos povos. 5 Eis que chamarás a uma nação que não conheces, e uma nação que nunca te conheceu correrá para junto de ti, por amor do SENHOR, teu Deus, e do Santo de Israel, porque este te glorificou.) Percebemos que o tempo todo Deus está chamando a atenção para que estejamos próximos a Ele. Ele está dizendo me escutem e venham até mim. Jesus disse: (a ovelha escuta a voz de seu pastor e o segue). E o que ganhamos em ir até Deus? Ganhamos vida, mas muito mais do que só uma vida que passa, ganhamos a vida eterna. Em sena aparece Davi, mas Davi, aqui é Cristo, e tudo que o Pai prometeu ao Filho, Ele cumpriu, e nós somos abençoados nessas promessas. Nós, ainda que não sendo judeus, fomos atraídos a Cristo pela sua graça. Chegará um tempo em que muitas nações olharão para Israel e buscarão a Cristo por causa do soberano Deus. (6 Buscai o SENHOR enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.) Deus tem chamado os seus ao longo de toda a história e ainda continua chamando. Seu chamado é um convite que alguns aceitam, outros não. Para quem ainda não aceitou, o aviso é claro: Em breve a porta da graça será fechada. E quem não tiver se decidido por Cristo, ficará para trás, perdendo assim a oportunidade da salvação.

Pense nisso! Deus te abençoe!

 

Pr. Romarcos

Mais nesta categoria: « A soberania de Deus

Gostou da notícia?

Compartilhe entre seus amigos e curta nossa página no Facebook!

 

 

casa do acessorio

ddt enfoque

restaurante familia lima

Colunas Recentes

Torta de amendoim

Torta de amendoim

Ingredientes: 1 ½ x de bolacha maria; 6 colheres sopa manteiga derretida; 1/3 xícara de açúcar; ...

Jesus, a fonte inesgotável

Jesus, a fonte inesgotável

O Armazém da graça de Deus Uma reflexão em Isaias 55.1-6 Deus é dono de todas as coisas. Diz a bíb...

A soberania de Deus

A soberania de Deus

Levantei-me cedo e enquanto preparava um café para os meninos irem à escola, deparei-me coma beleza ...

Tecnologia - Wilson Chavioli F.

icone enfoque

Conheça seus direitos

advocacia

Apoiadores

Extras



JoomShaper