(43) 9602-1764     contato@enfoquearapongas.com.br

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

BR Templates
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

noticias

Temporada mais longa teve média menor de homicídios, roubos e furtos Destaque

Publicado em Regionais
Temporada mais longa teve média menor de homicídios, roubos e furtos Reprodução/AEN

Com 80 dias de atividades, 24 a mais que o ano anterior, a Operação Verão 2018/2019 registrou menor média dos índices de criminalidade no Litoral do Paraná. Cerca de 1,7 milhão de pessoas visitaram as praias paranaenses nesta temporada, 200 mil a mais que na anterior. O Governo do Estado destacou 2,2 mil profissionais para atuar nas diversas áreas que envolvem a Operação Verão, dos quais 1,4 mil eram agentes da segurança pública.

O balanço final da operação foi apresentado nesta quinta-feira (14), em reunião no Palácio Iguaçu, do governador Carlos Massa Ratinho Junior, o secretário da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Luiz Felipe Carbonell, e representantes de todas as secretarias e órgãos envolvidos nas atividades.

A integração dos profissionais, afirmou o governador, foi importante para garantir a sensação de segurança no Litoral e a tranquilidade de quem buscou se divertir nas praias do Estado. “Queremos avançar e melhorar a cada ano a prestação de serviços para os visitantes do nosso Litoral, com inovações, cuidando do meio ambiente e da segurança para atrair cada vez mais pessoas durante a temporada”, disse.

Além da segurança pública, Ratinho Junior destacou as ações nas áreas ambiental e da saúde. Com a confirmação de casos de febre amarela no Estado neste ano, o governo intensificou ações de prevenção e a vacinação contra a doença. “Estamos fazendo o trabalho de prevenção e alerta, incentivando os moradores da região a buscarem vacina nas unidades básicas de saúde. Mesmo assim, a situação está dentro do controle”, disse.

VITRINE – Ratinho Junior ressaltou que o Estado já planeja ações para a próxima Operação Verão. “Queremos fazer com que o Litoral do Paraná esteja nas grandes vitrines da mídia nacional. Estamos fazendo toda uma programação para um calendário bem festivo, avançar bastante para que o turista aproveite cada vez mais o nosso Litoral”, afirmou.

NÚMEROS – A maior redução foi no número de homicídios dolosos (com intenção de matar), que diminuíram 44% nesta temporada. A média de furtos foi 9% menor e a de roubos, 17% mais baixa. O maior número de ocorrências no Litoral está relacionado à perturbação de sossego. Foram 397 casos nesta temporada, uma redução média de 13% com relação à anterior.

O secretário Luiz Felipe Carbonell destacou a efetividade das ações do Governo do Estado no Litoral. “A segurança do veranista é o nosso foco e não envolve apenas as atividades da secretaria, mas de todo o conjunto de órgãos que participa da Operação Verão. Todos colocam o bem-estar à disposição do veranista”, afirmou. “A integração é fundamental, é o principal motor do conjunto de ações e resultados positivos. Individualmente nenhum de nós teria sucesso”, disse.

Também foram registradas 15 mortes por afogamento, contra seis no último verão. Todas elas foram em áreas que não eram monitoradas por salva-vidas por não serem recomendadas para o banho.

LIMPEZA, ÁGUA E ESPORTES – A operação envolveu mais de 10 órgãos e secretarias de Estado, que oferecem serviços e atendimentos nas áreas da saúde, meio ambiente, esporte e lazer, saneamento, energia, campanhas de conscientização, monitoramento da qualidade da água, entre outros.

A Sanepar, além de garantir o abastecimento durante a temporada, é responsável pela limpeza das areias. Pelo menos 700 toneladas de lixo foram retiradas das praias paranaenses na temporada. A companhia também oferece as cadeiras anfíbias para o banho de mar de pessoas com baixa mobilidade. Cerca de 400 pessoas aproveitaram o serviço neste verão.

Já o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) é responsável pela divulgação dos boletins de balneabilidade. Nos 80 dias de temporada, os 49 pontos monitorados praticamente se mantiveram próprios para banho.

A equipe da Esporte Paraná contabilizou 122 mil atendimentos no período. Desde o dia 11 de janeiro, veranistas e moradores locais dos municípios de Matinhos, Pontal do Paraná e Guaratuba desfrutaram das mais diversas atividades esportivas e recreativas, como caminhadas, torneios esportivos, recreações, ginásticas e danças para todas as idades, sempre monitoradas por acadêmicos e profissionais de Educação Física.

 

Fonte: AEN

Gostou da notícia?

Compartilhe entre seus amigos e curta nossa página no Facebook!

 

 

casa do acessorio

ddt enfoque

restaurante familia lima

Colunas Recentes

Torta de amendoim

Torta de amendoim

Ingredientes: 1 ½ x de bolacha maria; 6 colheres sopa manteiga derretida; 1/3 xícara de açúcar; ...

Jesus, a fonte inesgotável

Jesus, a fonte inesgotável

O Armazém da graça de Deus Uma reflexão em Isaias 55.1-6 Deus é dono de todas as coisas. Diz a bíb...

A soberania de Deus

A soberania de Deus

Levantei-me cedo e enquanto preparava um café para os meninos irem à escola, deparei-me coma beleza ...

Tecnologia - Wilson Chavioli F.

icone enfoque

Conheça seus direitos

advocacia

Apoiadores

Extras



JoomShaper