(43) 9602-1764     contato@enfoquearapongas.com.br

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

BR Templates
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

noticias

Maia quer aprovar texto-base da Previdência até amanhã Destaque

Publicado em Política
Maia quer aprovar texto-base da Previdência até amanhã Reprodução/Web

Ao chegar na manhã desta terça-feira (9) para a reunião de líderes para discutir a votação da reforma da Previdência no plenário da Câmara dos Deputados, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que vai trabalhar para que o texto-base da proposta seja aprovado entre hoje e amanhã (10).

“Vamos trabalhar para isso. Não é uma votação simples: 308 votos é um número enorme de parlamentares. Ainda tem algumas conversas sendo feitas, mas a nossa intenção é que a gente possa fazer um bom debate durante o dia e, a partir do início da noite, tentar começar a construir o processo de votação. Tem que esperar para garantir quórum. Temos que chegar a 490 deputados [em plenário] para não ter risco de perder a votação”, afirmou.

Maia disse estar otimista de votar o texto-base e os destaques com sugestões de mudanças na proposta em primeiro e segundo turno até o fim desta semana. Por se tratar de uma proposta de emenda à Constituição (PEC 6/19), a matéria precisa do voto favorável de pelo menos 308 deputados em dois turnos de votação para ir à análise do Senado.

Tramitação

Maia marcou sessões no plenário a partir de segunda-feira (8) à tarde para garantir que a matéria comece a ser apreciada no dia seguinte, já que é preciso um interstício de duas sessões do plenário após a votação na comissão especial para que o texto entre em discussão no plenário. A votação da PEC 6/19 foi concluída na madrugada do último dia 5 na comissão especial da Câmara.

Para acelerar o processo de tramitação da reforma, é possível que os deputados aprovem um requerimento para quebrar esse interstício. “Dependendo de quando começa o processo de discussão, talvez não seja necessário [a quebra]. Se for necessário, os partidos da maioria e o partido do governo têm votos para quebrar [o interstício] e vamos trabalhar para ter votos para a aprovação da emenda”, disse Rodrigo Maia no fim de semana. 

Entre o primeiro e o segundo turno de votação também é necessário um interstício, de cinco sessões. Segundo Maia, caso haja “vitória contundente” no primeiro turno há “mais respaldo político para uma quebra [do interstício] do primeiro para o segundo [turno]".

 

Fonte: Agência Brasil

Gostou da notícia?

Compartilhe entre seus amigos e curta nossa página no Facebook!

 

 

casa do acessorio

ddt enfoque

restaurante familia lima

Colunas Recentes

Torta de amendoim

Torta de amendoim

Ingredientes: 1 ½ x de bolacha maria; 6 colheres sopa manteiga derretida; 1/3 xícara de açúcar; ...

Jesus, a fonte inesgotável

Jesus, a fonte inesgotável

O Armazém da graça de Deus Uma reflexão em Isaias 55.1-6 Deus é dono de todas as coisas. Diz a bíb...

A soberania de Deus

A soberania de Deus

Levantei-me cedo e enquanto preparava um café para os meninos irem à escola, deparei-me coma beleza ...

Tecnologia - Wilson Chavioli F.

icone enfoque

Conheça seus direitos

advocacia

Apoiadores

Extras



JoomShaper